Mostrando postagens com marcador Seleção Natural e Canibalismo Evolutivo. Egos e Identidades Transplantadas. arquétipos. antropofagia. matrix. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador Seleção Natural e Canibalismo Evolutivo. Egos e Identidades Transplantadas. arquétipos. antropofagia. matrix. Mostrar todas as postagens

sexta-feira, 30 de junho de 2017

Seleção Natural e Canibalismo Evolutivo. Egos e Identidades Transplantadas.



Hoje O Grupo de Sábios e Casa Real Sagrada de Sírius Grey y Alpha nos revelerá de que maneira a engenharia satânica de nossas Elites Piramidais atua no sentido de permitir que um por centro da população permaneça no topo criando as leis e regras assim como limitando a evolução, a expansação da consciência e capacidade de conhecimento de humanos ordinários que na maioria das vezes ignoram suas condições de escravos, quando não vampiros, mercenários, heróis e monstros. 


O Processo de "seleção natural" como conceito de evolução da natureza foi popularizado por Charles Darwin no final do século XIX e propagado como dogma pelos 04 cantos do mundo através dos magos negros que fundaram a Royal Society separando assim em setores opostos, quando não até mesmo beligerantes, ciência e magia, religião e materialismo, dividindo assim ainda mais uma humanidade já ignorante e fragmentada, facilitando assim o processo de escravização e desinformação do inimigo. "Divide e Vencerás".

Dessa forma, desde a primeira guerra mundial a humanidade do planeta Terra foi jogada num profundo e obscuro mundo de tragédias que se alimenta e materializa principalmente de energias de baixa frequência como o medo, a culpa, a nostalgia, a impotência, entre outras formas de macro-magia-negra da qual há mais de 200 anos tentamos sair, alguns com êxito mas a grande maioria, não.


Foi após a 2ª Guerra que movimentos como o Ateísmo passaram a existir e ser ativistas como conhecemos hoje no sentido de questionar a existência da Verdade e da Espiritualidade como dimenrsões de existência e defender seus livres direitos de expressão através de comunidades e sindicatos exatamente igual reúne em rebanho, as igrejas e pastorais, utilizando a mesma forma de doutrina em diferentes setores da sociedade realizando a judaização e cristianização de nossos costumes e crenças, que criam falsas tradições e nos mantém plugado as mesmas egrégoras grosseiras e telúricas do passado.










Através do materialismo as pessoas perderam as ferramentas naturais e dons psiquícos que as conecta e permite frequentar os domínios do mundo astral e da espiritualidade com total lucidez e maestria, trabalhando de forma consciente com Eu Superior e Mentores Extrafísicos.












A crença dogmática de que a natureza seleciona em função dos mais fortes além de irreal, permitiu durante o passado a violação da inteligência pela força bruta, materializando todas as pequenas e grandes guerras que tivemos e ainda temos em muitas partes do globo Terrestre. A crença de que a seleção natural prioriza os mais fortes através da força e resistência e não da flexibilidade e inteligência é o que permitiu a robotização da sociedade, criando psicopátas teleguiados que vão as ruas por 0,20 centavos na passagem de ônibus, mas fica em silêncio quando provas e flagrantes atingem aqueles em quem depositaram a esperança e a incumbência de encontrar soluções fáceis para problemas que são de muitos e não de uns poucos que se dispõem a resolver sem abrir mão de ter lucro e tirar proveitos escandalosos e imorais. É a crença na seleção natural sem inteligência que permitiu que os maiores criminosos do Brasil e uma quadrilha perigosa tomasse conta do governo e da presidência da república em pleno Século XXI durante o ano de 2016. Mas como dizia um Sábio, ou uma Sábia, O Opressor não teria êxito e vitória se não pudesse contar com apoio e suporte entre os próprios oprimidos. 














A raíz da pobreza e miséria não é fruto apenas da exploração dos ricos para com os pobres, ou falta de oportunidades dadas pela sociedade, mas principalmente fruto do universo psíquico miserável e destrutivo dos quais os pobres são prisioneiros e se recusam abrir mão e pior, não se constrangem em querer e trabalhar para levar o maior número de pessoas possível para habitar sua querida miséria e pobreza e se ali serem todos "felizes" para sempre, se possível compartindo tudo de bom e ruim, elimiando o privado, o individual e o particular. 




A Pobreza material se manifesta através da mesma força e energía que se manifesta a fartura e abundância. É uma questão de gosto mesmo. Tem gente que passeia por um lixão tóxico com a mesma fascinação, refinamento e curiosidade que alguém que passeia pelos jardins suspensos da Babilônia ou dos Palácios de Versalles.  





É dessa verdade e principalmente através de religiões que propagam crenças e negam conhecimentos e experiências, que a nossa sociedade há algumas eras vem se enganando de modo antropofágico com ilusão de que "evolui" quando em verdade apenas pratica entre vidas, encarnações e entre eras aquilo que nossos Médicos chamam de: 

CANIBALISMO EVOLUTIVO.



O Neoliberalismo, O Empreendendorismo, somado ao materialismo e outros "ismos" que eliminam direitos e os trasnformam em "bens" e "serviços" além do que expulsam o espiritual e o sagrado dos Homens, Mulheres e os projeta em números, valores e coisas são em verdade as religiões da Nova Era que levam pessoas tanto burras quanto inteligentes a comportar-se, pensar, sentir de maneira monocórdia e monolítica, como fanáticos religiosos, Neo-talebans-cristianos-extremistas, como acontece com esses jovens do MBL, os leitores de Olavo de Carvalho e o eleitorado do PSDB, que pouco a pouco reduzido simplesmente a radical católico de extrema direita, caso de hospício ou de polícia, que aos poucos vai sendo desmilinguido e obrigado a conscientizar-se de que são psicopátas, idólatras, carolas e fanáticos católicos que sustentam assassinos como Heróis e Deuses, sejam esses os Bandeirantes como Raposo Tavares e Fernão Dias, ou Mafiosos Senadores que matam até familiares para queimar arquivo, Como O Neto de Tancredo Neves e Seu Sócio, José Perrela. 


É através da crença de que nascemos pobre ou rico conforme a família que adentramos a Terra e que mudar ou manter isso ñe trabalho dos governos e que isso apenas está destinando toda nossa existência, sem dúvida é o que mais e melhor impede as energias criativas do Amor e da Verdade de Manifestarem-se em nossas vidas.




Através de uma vida social fútil que padroniza a espiritualidade e maquia o processo de CANIBALISMO EVOLUTIVO todas as pessoas que priorizam a mentalidade de grupo levam impressas o carma da mentira e as limitações de ser um mentiroso em pról de uma sociedade antropofágica, canibal e satânica que confessa estar morta quando se escandaliza pela quebra e destruição de partimônios inanimados e é INDIFERENTE a vida humana da qual essa matrix se alimenta de maneira destrutiva, violenta, traumática e desrrespeitosa. Graças as altas e cavalares doses de medos em nós injetadas pela Matrix e pela alimentação tanto industrial como carnívora, nosso psiquísmo funciona de maneira tosca, coxa e aleijada, nos mantendo sempre prisioneiro dos medos ancestrais através dos quais somos manipulados como gados, domesticando o indivíduo nos domínios e estratagemas traiçoeiros do Ego, que ao contrário do que afirmam os fanáticos seja da psicologia, seja da nova era, não deve ser eliminado mas sim educado e treinado para nos permitir relacionar-se com a sociedade canibalista sem ser violado ou atacado, tendo a própria essência adulterada ou agredida. 





A maioria das pessoas não parou para realizar o ego como ferramenta e passa a vida lutando contra uma expressão natural de seu ser, ainda que por vezes essa possa ser mentirosa, negativa, mas sempre e sem sobra de dúvida bastante rasa, pouco ou nada profunda.

 Graças a essa ferramenta de proteção útil que é o Ego, por vezes o ser humano indivíduo fica completamente isolado de sua essência, de seu passado ancestral de das informações que jazem em suas estruturas de DNA e dizem respeito a toda memória celular da raça humana e outras raças. 


A crenças no Ego como o Verdadeiro Eu seja esse Interno ou Superior, aprisiona o individuo nos domínios do Eu Inferior,

que só pode ser feliz em grupo, alimentando a ilusão de "civismo" e "filantropia" através de energias grosseiras e telúricas como a PENA e também da da reunião de outros seres tão carentes e cheios de pena, porém com crenças e pensamentos parecidos. As relações ególatras se definem por crenças falsas em amizades que por vezes não existem mas se materializam graças a eventos, encontros e a pessoas que gostam de se reunir para concordar ou discordar sem tomar atitudes, rpovocar câmbios, chegar a conclusões ou tratar de verdades, iludidos de que assim são pessoas "evoluídas" que "respeitam" as "diferenças" e as regras do jogo, quando em verdade as desconhecem e servem para desviar outros de seus caminhos originais traçados na programação existencial e curso intermissivista.

Graças a egoesclerose criada por esses níveis rasos e doentios de consciência, pessoas acreditam ser suas profissões, mentem ou inventam sentir amor e possuirem sabedoria, quando em verdade estão submersas em inveja, insegurança, vaidade, confusão, ódio e ignorância e dessa forma descem a ladeira da dacadência máxima, vão ao fundo do poço com a perfeita e absoluta certeza de que "evoluem", fazem "amigos" e são catapultados aos píncaros do conhecimento onde só habitam os mestres, onde a mediocridade "não existe", todos são amigos e nada nos ameaça. O Perfeito céu cristiano do coxinha pau-no-cú.



Dessa maneira, materializamos em 3D aquilo que chamamos IDOLATRIA que é o ato de submeter-se através de adoração a Arquétipos de Superioridade que nos transformam em rebanhos de alimento, por vezes regressivo, que geram energia de adoração que alimentam seres doentes e psicóticos omo é Jesus Cristo, ainda que profundamente poderosos em dimensões de realidade que podem tanto alimentar-se como servir de alimento para a nossa e outras dimensões, da mesma maneira que grandes rebanhos de gado bovino e suíno, servem de energia e alimento para um bando de seres que os cria, muitas vezes com liberdade, fartura de alimento e até mesmo amor, porém com a finalidade única e certa que é a que mata e come. 


Assim sendo ao invés de realmente evoluírem as pessoas vão criando o que nossos Médicos e Sábios chamam de IDENTIDADES TRANSPLANTADAS que pode acontecer de forma abudante durante uma única encarnação ou também entre vidas e reencarnações, no caso principalmente das almas que são recicladas pelas religiões.








Através dos diferentes arquétipos que servem de IDOLOS e de exemplos que devem ser obrigatóriamente seguidos principalmente pelos jovens que desejam pertencer a um determinado grupo ou casta social, seja a de quem trabalha na TV, seja a de quem segue um guru pedófilo, as pessoas criam uma ideia e plastificam impressões em seus psíquismo a respeito do "idolo" que também gostaria de ser. 
Dessa forma se popularizam tanto escravos psíquicos que serão fiéis consumidores, como roupas da moda, cortes de cabelo, modelos de acessórios que vão ser usados, comercializados, propagandeados pelos Idolos do Esport, da Arte, da Política e do mundo da TV que convencerão todos a seguir a moda e logo todos estarão naquela mesma frequência, pensando e sentindo igual e principalmente ridicularizando o que não pode ser sentido e aqueles que nã participam daquele coletivo hipnótico. Como Disse um filósofo Alemão: "Aqueles que estavam dançando, foram considerados "Loucos" por aqueles que afinal não podiam escutar a música".





É nesse momento que almas perdidas, espectros de consciência, entidades vampiras e outras formas de realidade 4D se incorporam, fazem a festa e se faz necessário a leitura e restabelecimento curativo dos registros akáshicos, as vezes por tempo indeterminado, inclusive quando essas estruturas já criaram outras estruturas onde habitam através de nossas energias e campos de consciência da mesma exata maneira que um carrapato pode fazer no corpo de uma vaca e piolhos no cabelo de um ser humano. 





E isso acontece assim, justamente por que as pessoas que se aprisionam no ego e tem suas identidades incorporadas e transplantadas para os costumes, manias, gírias e tiques de seus idolos favoritos, de seus superiores, modelos arquetípicos e dos implantes etéreos lançados pela moda e TV, acabam por serem teleguiados e controlados pelas egrégoras de vontade e desejo selvagem dessas entidades e veículos físicos que se sujeitam a incorporar. Essas pessoas que são veículos físicos de entidades regressivas e canibais que praticam a pedofilia e o sacrifício ritual, bebem sangue e são vampiras no que tange a realidade energética, jamais vão nas profundidades e obscuridades de seu Ser, sem jamais tornar essas conscientes, acreditando piamente que aquele espantalho criado por publicidade, gírias, manias, produtos e crenças é seu verdadeiro Eu, quando na verdade é apenas o resultado da magia negra criada pelos escravizadores para manter os escravos iludidos de que além de "Livres" possuem "cultura".





Não existe nada mais triste do que andar pela Europa e ver jovens de origem Venezuelana, Boliviana, Colombiana, que tem ancestrais indios e tiveram esses mortos pelos colonizadores espanhóis e soldados católicos da cruz, usando o visual do Hip-Hop, querendo ser e fazer o que aprendem na TV, identificados com uma malevolência e pobreza, vestidos de maneira por vezes infantilizada e ridícula sem realizar que é dentro de seu DNA e no estudo minucioso da história do passado e descoberta da Verdade que está nossa verdadeira essência e a restauração de nossos poderes mágicos inerentes a realidade humana.

Que todos tenham paz,
Saúde e sejam Muito Felizes.

Namastê,

Ruy Mendes - Junho 2017
Ocorreu um erro neste gadget

Visualizações de páginas da semana passada