Mostrando postagens com marcador o assassinato de lady dye e os rituais satânicos da elite. Mostrar todas as postagens
Mostrando postagens com marcador o assassinato de lady dye e os rituais satânicos da elite. Mostrar todas as postagens

quarta-feira, 27 de abril de 2011

O Assassinato de Lady Dye e Os Rituais Satânicos da Elite:





Em 14 de Setembro de 1982 Morreu em circunstâncias misteriosas, num acidente de automóvel até hoje mal explicado, a Ex Atriz e Princesa de Mônaco, que todos que tem mais de 35 anos conheceram como: “Grace Kelly”. Americana, depois de participar de um festival de Cannes, um ano depois, tornou-se esposa do Príncipe de Mônaco Rainier III. Uma mulher livre e moderna, que viveu amores intensos com diferentes personalidades da Elite como o Shá do Irã: Mohamad Reza Pahlevi, artistas como:Clark Gable, Cary Grant, entre outros.

Essas são as informações que os meios convencionais e registros divulgam a respeito da Princesa de Mônaco. Porém, exsitem Pesquisadores mais ousados, que não se contentam com a versão oficial das coisas. 












Existem ocultistas e pessoas que nasceram na Elite e que graças a Deus não compartem dos verdadeiros valores dessa. Existem diferentes tipos de sábios e estudiosos que buscam sem medo do ridículo, outras informações na intenção de saber a verdade e  encontram outras versões para a Morte de Grace Kelly (assim como para a morte de Lady Dayana).




A versão encontrada por esses sobre a morte de Grace Kelly é bem diferente das versões oficiais.







Afirmam que Grace Kelly era uma Alta sacerdotisa de rituais sexuais na Elite Iluminati, de uma ordem conhecida como: Templo do Sol. Uma das pessoas que conheceram e participaram desses rituais afirmou que essas sacerdotisas com o tempo devem ser (assassinadas) sacrificadas quando chegam em certa idade e isso é feito através de acidentes gerados em seus automóveis, ou em rituais dentro dessas mansões da elite, algumas vezes com um golpe na região do terceiro olho. Dado esse golpe, outra sacerdotisa se beneficia do último suspiro daquela e segue na mesma missão.
























É importante lembrar que “Mônaco” é um desses paraísos fiscais onde os criminosos do planeta terra podem depositar o fruto de seus roubos e viverem como se fossem cidadãos de bem. Não existem informações sobre se Lady Dye participava desse tipo de ritual que é comum nas elites, mas é bem provável que não. 



Lady Dye foi ASSASSINADA por outros motivos, bastantes contrários, aos rituais satânicos que permeiam a história de Grace, mas o fato é que todas as evidências e coincidências entre ambos os acidentes levam a dedução lógica de que ambas foram SACRIFICADAS em rituais que nas Elites são muito mais comuns do que pensamos ou podemos sequer imaginar.



Diana Spencer era filha de uma família de aristocratas que tinha a missão de gerar um filho para a família real britânica para ser coroado e transformado em Rei da Inglaterra e assim foi e provaelmente será feito.



Diana era conhecida como: “A Égua de Windsor”, já que sua linhagem sanguínea tinha todas as características necessárias e boas a nível genético (lembrem-se que as famílias da monarquia não são 100% humanas mas híbridos de reptilianos com humanos e outras raças que habitaram o planeta terra no passado) para que um rei fosse concebido.

As pessoas que pesquisaram sobre a vida de Lady Dye após a sua morte sabem que seu casamento foi uma tortura do início ao fim e sua relação com a família real uma prova de fogo, já que o tratamento dado a ela, assim como os costumes da monarquia eram e talvez ainda sejam, por demais chocantes para a natureza e caráter da princesa.









Se Dayana não tivesse sido a heroína dos pobres e ficado na sua. Se Dayana OBEDECESSE o protocolo real, provavelmente estaria viva até hoje. Todos Sabem que sempre foi uma agressão a rainha e aos monarcas da Inglaterra a postura de Dayana com os pobres, o fato de abraçar-los e beijá-los, cuidar deles, querer eles.


Nos últimos anos de sua vida, a Princesa Dayana fez uma campanha muito bem sucedida para ajudar pessoas vítimas de minas terrestres, causando um prejuízo inestimável para a indústria bélica anglo-americana controlada pelas Elites que controlam as guerras.

Mas a gota da água foi seu romance com o “Muçulmano filho de magnata e banqueiro”: Dodi Al Fayed. Tanto Dodi Quanto seu pai, famoso banqueiro e empresário do ramo de hotelaria em Londres são pessoas de origem muçulmana, anti-sionistas, anti indústria armamentista e contra a guerra. Mohamed Al Fayed, pai de Dodi afirma categoricamente que seu filho e sua nora foram assassinados e assim foi feito por que DAYANA ESTAVA GRÁVIDA. Para bom entendedor, meia palavra basta:







Para os mais lentos ou desinformados, aqui segue uma explicação melhor elaborada: 


Em termos simples:

A Mãe do futuro rei da Inglaterra tinha em seu ventre um irmão bastardo deste, com o mais puro e genuíno sangue muçulmano.

Dada as devidas circunstâncias e levando-se em consideração que a missão da monarquia britânica está diretamente relacionada com a maçonaria, Israel e o equilíbrio das energias terrestres através dos rituais de invocação de espíritos de baixa hierarquia (demônios)


Levando-se em consideração que, acima dos EUA, a família real britânica é a verdadeira detentora do sionismo que pretende justamente criar uma imagem mentirosa e limitada a “terroristas” a respeito de árabes e muçulmanos, ter na família um irmão bastardo do rei e filho do inimigo que perdeu e está perdendo a batalha dos últimos 7 mil anos, seria por demais arriscado.








E assim foi feito. Lady Dye morreu em circunstâncias misteriosas e jamais reveladas. Ela permaneceu viva no túnel do acidente por mais de uma hora. A Ambulância que a levou ao hospital precisou de 90 minutos para fazer um percurso que com trânsito normal se faria em cinco, entre outros mistérios que você pode entrar em contato assistindo o documentário do post de Hoje:


“Lady Dye, Novas Evidências e Novos Motivos”.









Documentário do Australiano Chris Everard que pode ser encontrado no youtube. Acima, no meio do texto posto pra vocês a primeira parte, com legenda em espanhol. O documentário no youtube tem aproximadamente 12 volumes e as outras partes podem ser acessadas e pesquisadas por vocês.

Espero que tenham uma boa sessão de documentário.

Que Deus Abençoe a Todos, Namastê

Ruy Mendes – abril 2011
Ocorreu um erro neste gadget

Visualizações de páginas da semana passada